nosmulheres
Olá!
Bem-vinda
nosmulheres

Porque os mais belos momentos são nossos. Um forum onde se fala de culinária, artesanato, os nossos filhos, os nossos animais, noticias, saúde, toda a nossa conversa...ser mulher
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Natalidade diminui e mortalidade infantil aumenta

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
a_velhinha_analucia
Membro d'Ouro
Membro d'Ouro
avatar

Feminino
Capricórnio Porco
Inscrição : 20/01/2010
Nº de Mensagens : 1423
País :
Emprego/lazer : empregada mas nao muito...
Humor : tem dias....
Rainha do mês :

MensagemAssunto: Natalidade diminui e mortalidade infantil aumenta   Qui 30 Dez - 13:29

A taxa de natalidade continuou a diminuir em 2007 em Portugal, com uma redução de cerca de 3.000 nascimentos relativamente a 2006, segundo dados das autoridades de saúde, que concluíram também que a mortalidade infantil teve um aumento muito ligeiro, de acordo com a agência Lusa.

«Em 2007 manteve-se a tendência decrescente da taxa de natalidade, com uma redução de cerca de 3.000 nados-vivos em relação ao ano de 2006», refere um documento divulgado esta segunda-feira no site da Direcção-Geral da Saúde.

Também a taxa de mortalidade perinatal (fetos com mais de 28 semanas e nados-vivos com menos de sete dias) retomou globalmente a sua tendência decrescente, passando de 4,8 mortes em 1.000 casos em 2006 para 4,5 no ano passado.

Excepções são o Alentejo e a Região Autónoma dos Açores, que têm a sua taxa de mortalidade perinatal acima da média, ambas com 7,3 mortes por cada mil casos.

Morte de bebés até um ano de idade aumentou desde 2006

Apesar de desdramatizar estes números, a DGS recomenda uma análise cuidadosa nestas regiões: «Trata-se, contudo, em números absolutos, de valores pequenos, que, embora mereçam uma análise cuidadosa a nível local, devem ter uma leitura prudente».

Quanto à mortalidade infantil (bebés até um ano de idade), registou-se uma subida muito ligeira relativamente a 2006, ano em que Portugal teve o valor mais baixo de sempre - 3,3 mortes por mil nascimentos.

No ano passado, esse valor subiu para 3,4 mortes em mil bebés nascidos, valor que já se tinha registado em 2005. Este ligeiro aumento da taxa de mortalidade infantil foi registado em todas as regiões, com excepção do Algarve e dos Açores, que tiveram um decréscimo de um ano para o outro.

Distrito de Viana do Castelo responsável pelo aumento da mortalidade infantil

Com os maiores valores acima da média de 3,4 mortes por mil nascimentos, encontra-se a sub-região de saúde de Bragança (6,5), Portalegre (6,2), Viana do Castelo e Guarda (5,Cool e Viseu (5,7). Abaixo da média encontram-se Leiria (1,2), Aveiro (2,5), Coimbra (2,6) e Santarém (2,7).

Segundo o relatório, a taxa de mortalidade neonatal (com menos de 28 dias de vida) é responsável pelo aumento da mortalidade infantil no Norte, principalmente no distrito de Viana do Castelo.

A região com mortalidade fetal mais elevada é o Alentejo, especificamente a sub-região de saúde de Portalegre, com 7,4 por mil nascimentos.


http://diario.iol.pt/sociedade/natalidade-bebes-feto-mortalidade-infantil-viana-do-castelo-mortalidade-fetal/973967-4071.html

_________________
estou contigo para rir ou para chorar....

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Natalidade diminui e mortalidade infantil aumenta
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
nosmulheres :: Temas em geral :: Banca dos jornais-
Ir para: